40 dias de jejum e oração a favor das famílias

Devocional Dia 8

Tema: A Família Inabalável

O marido deve amar a sua mulher

Efésios 5.22-33:

22 Mulheres, sujeite-se cada uma a seu marido, como ao Senhor,

23 Pois o marido é o cabeça da mulher, como também Cristo é o cabeça da igreja, que é o seu corpo, do qual ele é o Salvador.

24 Assim como a igreja está sujeita a Cristo, também as mulheres estejam em tudo sujeitas a seus maridos.

25 Maridos, ame cada um a sua mulher, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se por ela;

26 Para santificá-la, tendo-a purificado pelo lavar da água mediante a palavra,

27 E para apresentá-la a si mesmo como igreja gloriosa, sem mancha nem ruga ou coisa semelhante, mas santa e inculpável.

28 Da mesma forma, os maridos devem amar cada um a sua mulher como a seu próprio corpo. Quem ama sua mulher, ama a si mesmo.

29 Além do mais, ninguém jamais odiou o seu próprio corpo, antes o alimenta e dele cuida, como também Cristo faz com a igreja,

30 Pois somos membros do seu corpo.

31 “Por essa razão, o homem deixará pai e mãe e se unirá à sua mulher, e os dois se tornarão uma só carne”.

32 Este é um mistério profundo; refiro-me, porém, a Cristo e à igreja.

33 Portanto, cada um de vocês também ame a sua mulher como a si mesmo, e a mulher trate o marido com todo o respeito.

Deus estabelece um padrão elevado para o relacionamento entre marido e mulher. Nos dias seguintes veremos cada um desses padrões, iniciando hoje com o marido:

  1. O marido deve amar a sua esposa, assim como Cristo amou a igreja.

 

25 Maridos, ame cada um a sua mulher, assim como Cristo amou a igreja e entregou-se por ela!

A palavra que o apóstolo Paulo usa para amor neste texto é a palavra grega “ágape”, que significa amor incondicional, ou seja, o próprio amor de Deus.

O padrão é bem elevado, e imediatamente faz ressaltar a nossa impossibilidade de cumprir este mandamento. Eu sempre me pergunto: Como é possível eu amar minha esposa, da mesma forma como Cristo amou a igreja? Mas essa nossa incapacidade nos remete à nossa dependência do poder do Espírito Santo. Nenhum ser humano tem capacidade de amar a sua esposa como Cristo amou a igreja, exceto que se submeta completamente a um poder sobrenatural que é o poder do Espírito Santo. Ele nos capacita e nos ajuda em nossas fraquezas. Da mesma forma o Espírito nos ajuda em nossa fraqueza, pois não sabemos como orar, mas o próprio Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis (Romanos 8.26).

A primeira parte do fruto do Espírito é o amor: Mas o fruto do Espírito é amor, alegria, paz, paciência, amabilidade, bondade, fidelidade, mansidão e domínio próprio. Contra essas coisas não há lei (Gálatas 5.22-23).

Eu gosto da palavra fruto, porque mostra que é algo que nasce naturalmente, não como resultado de esforços pessoais. Eu não tenho condições de produzir amor. Mas se permito que o Espírito Santo atue, e me submeto ao seu controle e direção, naturalmente o amor brotará em minha vida e terei condições de amar a minha esposa com amor que vem de Deus.

Quando reconhecemos nossa incapacidade e pedimos ao Espírito Santo que nos encha com o seu poder, Ele começa a agir em nós, e logo percebemos que estamos amando mais cuidando melhor de nossas esposas.

A grande vantagem é que não podemos nos gloriar, pois foi o Espírito Santo quem operou em nós, e toda glória irá para Deus.

Quantos casamentos seriam mais abençoados e felizes se o marido tomasse a sério o mandamento de amar incondicionalmente sua esposa. Hoje em dia há tanto egoísmo, que alguns somente amam se receberem algo em troca. Mas o amor “ágape” não busca os seus próprios interesses. Analisem como Deus ama o mundo, sem receber nada em troca. É este amor que devemos ter para com o nosso cônjuge.

Mais adiante, veremos que o amor é a base para a união conjugal.

Marido, você tem amado a sua esposa como Cristo amou a igreja?

Ore por você:

  1. Para que você busque mais servir do que ser servido.
  2. Para que você busque fazer o bem que deseja que lhe façam.
  3. Para que Deus o capacite a negar-se a si mesmo em favor de sua esposa.
  4. Ore em favor da sua Família.
  5. Acrescente aqui seus pedidos pessoais…

Ore pela Igreja:

  1. Ore pela Igreja Batista Independente em Passo Fundo.
  2. Peça a Deus que capacite os irmãos para que sejam instrumentos de Deus dentro de sua casa, usados para amar sua esposa.
  3. Oremos para que a igreja possa resplandecer como uma luz, iluminando o mundo que vive em trevas.

Versículo para memorizar:

“Assim, em tudo, façam aos outros o que vocês querem que eles lhes façam, pois esta é a Lei e os Profetas” (Mateus 7.12).

 

IGREJA BATISTA INDEPENDENTE

Passo Fundo – RS

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s