Incomodo e Desconforto Emocional (Romanos 8)

Introdução: tem situações que nos incomodam e trazem certo desconforto emocional. Situações essas que chateiam e que tendem a tirar a nossa paz. Muitas vezes Deus permite que alguma luta ou problema venha a mexer em nosso bolso, pois desta forma somos tratados e lapidados. Ou podemos ser acometidos de alguma doença ou moléstia que venha a tentar nos enfraquecer na fé. Mas não podemos deixar que a nossa carne venha tomar as rédeas da situação. Não podemos cair na carne, no desespero. Precisamos confiar em Deus. Agora:

O que aprendemos com Romanos 8?

*1-Condenação (Rm 8.1) Justificação [“Agora, pois, já nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.”]

Deus nos justifica; Deus é a nossa justiça; Deus lançou os nossos erros e pecados no mar do esquecimento.

O diabo tem o papel de acusador, e tenta jogar em nossa mente acusação, e trazer a nossa memória os erros do passado. Mas somos justificados, lavados e remidos no sangue de Jesus.

2-Segundo o Espírito (Rm 8.4) Segundo a carne [“a fim de que o preceito da lei se cumprisse em nós, que não andamos segundo a carne, mas segundo o Espírito.”]

Podemos ser guiados pela carne, pelas nossas vontades, pela nossa emoção, pelos nossos desejos. Ou podemos ser guiados pelo Espírito Santo. Quando deixamos ser levados pelas águas do Espírito Santo de Deus, entramos em sintonia com Deus, e mesmo que estejamos passando por um momento delicado e complicado em nossas vidas, mesmo assim, conseguimos deitar no travesseiro e dormir sossegados, pois sabemos que Deus é por nós, e se Deus é por nós, quem será contra nós?

3-Vida e paz (Rm 8.6) Tribulação e morte [Porque o pendor da carne dá para a morte, mas o do Espírito, para a vida e paz.]

Quando somos guiados pelo Espírito, todas as situações que nos trazem desconforto emocional não são capazes de nos tirar a paz.

João 10.10 “Eu vim para que tenham vida, e vida em abundância”.

Vida em abundância é vida feliz, alegre, com paz e regozijo.

4-Liberdade (Rm 8.15) Escravidão [Porque não recebestes o espírito de escravidão, para viverdes, outra vez, atemorizados, mas recebestes o espírito de adoção, baseados no qual clamamos: Aba, Pai.]

2 Coríntios 3.17 “Onde esta o Espírito do Senhor, aí há liberdade”.

Jesus nos dá liberdade física, emocional e espiritual.

Viver em liberdade é muito bom, e isso eu posso afirmar, pois já fui escravo do pecado, como drogas e autoerotismo.

Hoje vivo livre destas prisões a anos, e sou muito grato a Deus.

5-Imagem de Seu Filho (Rm 8.29) Jesus [Porquanto aos que de antemão conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos.]

1 Coríntios 11.1 “Sede meus imitadores, como também sou de Cristo”.

Efésios 5. 1e2 “Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave”.

Este é o nosso alvo, o nosso objetivo de vida, e o desejo de Deus para nossas vidas. Por isso Jesus nos deixou o exemplo, para aprendermos com Ele.

6-Predestinou (Rm 8.30) Predestino estabelecido [E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.]

Destino antecipado. Destinar a grandes feitos.

Deus traçou uma linda e saudável trajetória para nossas vidas. Depende somente de nossas escolhas querer trilhar por este caminho traçado pelo Pai.

7-Chamou (Rm 8.30) Chamados para serdes santos [E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.]

Romanos 1.7 “A todos os amados de Deus, que estais em Roma, chamados para serdes santos, graça a vós outros e paz, da parte de Deus, nosso Pai, e do Senhor Jesus Cristo”.

Somos chamados para fazer a diferença, para sermos diferentes do mundo, do sistema do mundo, da inclinação do homem natural ao pecado. Somos pecadores sim, mas o pecado é um acidente em nossas vidas. Não vivemos na prática do pecado.

*8-Justificou (Rm 8.30) Deus é quem nos justifica [E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.]

Romanos 8.33 “Quem intentará acusação contra os eleitos de Deus? É Deus quem os justifica”.

Por mais acusações que o diabo possa fazer, perturbando a nossa mente, e tentando nos colocar para baixo, sabemos que temos um advogado junto a Deus Pai, Jesus Cristo de Nazaré, que advoga a nossa causa, e que é o nosso justificador, pois fez justiça por nós, é a nossa justiça.

9-Glorificou (Rm 8.30) Honrou, abençoou, prosperou [E aos que predestinou, a esses também chamou; e aos que chamou, a esses também justificou; e aos que justificou, a esses também glorificou.]

Deus honra aqueles que o honram sem motivos interesseiros.

Deus tem o melhor para nossas vidas. Mesmo que as vezes estejamos passando por momentos difíceis, mesmo assim, Deus está no controle, e no final, tudo acaba bem, e acabamos aprendendo grandes e profundas lições que nos fazem amadurecer em nossa fé.

Conclusão: sempre ou quase sempre teremos algumas questões em nossas vidas que serão motivo de desconforto e preocupação. Nem por isso a nossa fé em Jesus deve ser abalada, pelo contrário, todos os problemas e situações difíceis que passamos devem ser motivos de desenvolvermos mais e mais a nossa fé.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s