Aproveitar as oportunidades – Marcos 6.53-56 (Marcos 6.48)

Marcos 6.53 “Estando já no outro lado, chegaram a terra, em Genesaré, onde aportaram”.

Marcos 6.54 “Saindo eles do barco, logo o povo reconheceu Jesus”.

Marcos 6.55 “e, percorrendo toda aquela região, traziam em leitos os enfermos, para onde ouviam que ele estava”.

Marcos 6.56 “Onde quer que ele entrasse nas aldeias, cidades ou campos, punham os enfermos nas praças, rogando-lhe que os deixasse tocar ao menos na orla da sua veste; e quantos a tocavam saíam curados”.

INTRODUÇÃO: não podemos desperdiçar as oportunidades que Deus nos dá em nossas vidas, de nos achegar a Ele e resolver a nossa vida, concertar diante de Deus tudo aquilo que esteja fora do “eixo”. Precisamos aproveitar os momentos em que Deus derrama da Sua presença para sermos curados. O povo de Genesaré aproveitou a presença de Jesus para trazerem até Ele todos os enfermos, coxos, paralíticos, cegos, que haviam por aquela região, para por Ele serem curados. AGORA:

O que podemos aprender com este episódio bíblico?

1-RECONHECEU JESUS (exemplo)

As pessoas tem que olhar para a nossa vida e verem Jesus em nossas atitudes. Precisamos dar bom testemunho por onde andarmos. Temos que ser o sal e a luz do mundo.

1 Coríntios 4.16 “Admoesto-vos, portanto, a que sejais meus imitadores”.

1 Coríntios 11.1 “Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo”.

2-ONDE OUVIAM QUE ELE ESTAVA (aproveitar as oportunidades)

Devemos buscar a Deus em nossas vidas. Ir atrás, buscar ao Senhor enquanto se pode achar, enquanto estamos vivos. Muitos estão esperando ficarem velhos para daí buscarem a Deus, querem no momento curtir a vida, fazer festa, namorar, buscar os prazeres da carne.

Isaías 55.6 “Buscai ao SENHOR enquanto se pode achar, invocai-o enquanto está perto”.

Jeremias 33.3 “Invoca-me, e te responderei; anunciar-te-ei coisas grandes e ocultas, que não sabes”.

João 4.9 “Convém que eu faça as obras daquele que me enviou, enquanto é dia; a noite vem, quando ninguém pode trabalhar”.

3-ROGANDO-LHE (pedir, buscar, bater)

Devemos pedir a Deus através da oração aquilo que é necessidade em nossas vidas.

Romanos 8.26 “E da mesma maneira também o Espírito ajuda as nossas fraquezas; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o mesmo Espírito intercede por nós com gemidos inexprimíveis”.

Mateus 18.19 “Também vos digo que, se dois de vós concordarem na terra acerca de qualquer coisa que pedirem, isso lhes será feito por meu Pai, que está nos céus”.

Marcos 1.40 “Aproximou-se dele um leproso rogando-lhe, de joelhos: Se quiseres, podes purificar-me”.

4-TOCAVAM (fé, crer, acreditar)

Precisamos tocar em Jesus pela fé, acreditando que seremos curados, restaurados, transformados, renovados.

Lucas 8.43 “Certa mulher que, havia doze anos, vinha sofrendo de uma hemorragia, e a quem ninguém tinha podido curar [e que gastara com os médicos todos os seus haveres]”.

5-SAÍAM CURADOS (sarados, restaurados)

Mateus 8.7 “Jesus lhe disse: Eu irei curá-lo”.

Mateus 8.8 “Mas o centurião respondeu: Senhor, não sou digno de que entres em minha casa; mas apenas manda com uma palavra, e o meu rapaz será curado”.

Salmo 147.3sara os de coração quebrantado e lhes pensa as feridas”.

Jeremias 33.6 “eis que lhe trarei a ela saúde e cura e os sararei; e lhes revelarei abundância de paz e segurança”.

Jeremias 17.14 “Cura-me, SENHOR, e serei curado, salva-me, e serei salvo; porque tu és o meu louvor”.

Jeremias 30.13 “Não há quem defenda a tua causa; para a tua ferida não tens remédios nem emplasto”.

Salmo 103.3 “Ele é quem perdoa todas as tuas iniquidades; quem sara todas as tuas enfermidades”.

6-DIFICULDADE

Marcos 6.48 “E, vendo-os em dificuldade a remar, porque o vento lhes era contrário, por volta da quarta vigília da noite, veio ter com eles, andando por sobre o mar; e queria tomar-lhes a dianteira”.

Deus conhece a nossa dificuldade, aquilo que está atrapalhando a nossa vida, tirando o nosso sono, gerando aflição e angústia. Deus não está indiferente aos nossos problemas, pelo contrário, tem um desejo enorme de resolver nossas aflições. Deus quer nos ajudar, e Ele enxerga as nossas dificuldades, Ele conhece as nossas tribulações.

7-TOMAR-LHES A DIANTEIRA

Marcos 6.48 “E, vendo-os em dificuldade a remar, porque o vento lhes era contrário, por volta da quarta vigília da noite, veio ter com eles, andando por sobre o mar; e queria tomar-lhes a dianteira”.

Devemos deixar Deus tomar a dianteira da nossa vida, tomar o controle das nossas vidas. Muitas vezes queremos nós mesmos estar no controle, estar à frente, e muitas vezes acabamos tomando decisões erradas, precipitadas. Precisamos entregar o controle da nossa vida a Deus, deixar Ele ir à frente, abrindo o caminho, para que possamos andar e agir conforme Ele deseja.

CONCLUSÃO: devemos aproveitar as oportunidades que a vida nos oferece para estarmos com os ponteiros acertados diante de Deus. Somos instruídos  para a ninguém devermos coisa alguma, exceto o amor que nos amamos uns aos outros conforme Romanos 13.8 “A ninguém devais coisa alguma, a não ser o amor com que vos ameis uns aos outros; porque quem ama aos outros cumpriu a lei”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s